domingo, 21 de novembro de 2010

Desabafo!

Não sei se quem passa por aqui sabe o que eu faço para ganhar dinheiro!
Eu trabalho no Aeroporto Internacional Salgado Filho em Porto Alegre,e trabalhar em aeroporto é cruel.
Definitivamente aeroportos não foram feitos para pessoas acima do peso.
Aqui é um festival de gente bonita,bem arrumada,maquiada e cheirosa.
Não que eu não seja bonita ou cheirosa,mas definitivamente to longe de ser alguem bem arrumada e maquiada,explico:não tenho Ânimo para me maquiar,com certeza isso é efeito da obesidade sem enhuma alto-estima,e tão pouco para ser bem arrumada,pq roupas para gordo vc não escolhe e sim é escolhido por servir.
Agora pouco fui ao banheiro e cada vez que me olho naquele baita espelho me da uma tristeza...
Eu to tão gorda...
As pessoas que trabalham aqui normalmente usam uniforme,eu não.
Meu ultimo uniforme meu chefe comprou antes de eu engravidar e eu pesava uns 70kg.
Então da para imaginar que nesse uniforme não me entram nem as pernas,trabalho com uma calça social preta e alguma blusinha (que de "blusinha" não tem nada) preta tambem.
Eu não me sinto á vontade nem mesmo para fazer uma escova no meu cabelo.
O peso me atrapalha.Tem gente que é gordo (ou á cima do peso) que se veste bem,que se maquia,que gosta de se sentir bem,eu nem mesmo brinco uso.
Não eu não sou desleixada,apenas não tenho vontade nenhuma de me arrumar pq não me agrada em nada o que vejo no espelho.
To sendo sincera.
Tem tantas coisas que quero fazer depois da cirurgia:
*comprar roupas normais,
*usar maquiagem
*me arrumar mais
*brincar de verdade com a minha filha
*dar banho nela sem me doer até a unha do dedão do pé
*comer pouco e me satisfazer
*sentar em cadeira de plástico
*não me sentir inferior a ninguem
*não ver as pessoas na rua e pensar:será que sou mais gorda que ela
*cruzar as pernas
*e acima de tudo ter vontade de viver de verdade,esperar que a vida sorria para mim,sair,voltar a ir em pagodes,me sentir desejada por um homem,beijar na boca...
Esses últimos itens eu citei pq sou uma mãe solteira,depois que fiquei gravida meio que me isolei,nem na casa de amigas vou mais,"fiquei" apenas com dois homens nesse meio tempo e eu estava mais magra,e desde fevereiro não dou um beijo na boca...Sexo então,isso nem se fala.
Pq estou dizendo isso,pq antes de engravidar eu era ativa,antes de conhecer o pai da minha filha eu saia TODO FINAL DE SEMANA,ia sempre aos pagodes que eu adoro e nunca,mas nunca mesmo ficava um final de semana sem dar beijo na boca,na maioria das vezes beijava mais de um "menino" por final de semana,posso parecer futil,mas sinto falta disso,sinto falta de muitas coisas,mas principalmente sinto falta do meu amor próprio que eu perdi pelo meio do caminho.
Perdi meu amor próprio não só por conta do peso,mas tambem pelo fato de ter sido abandonada grávida.
Não vou por culpa da minha obesidade em ninguem,mas que o pai da minha filha tem uma grande parcela no meu sentimento de perdedora ah isso ele tem.
Sei que agora é hora de pensar em mim, na minha saúde,na minha filha,mas tambem é hora de pensar na minha auto estima e no meu amor próprio,eu quero reconquista-los para poder viver em paz.
Essa cirurgia é a minha última tentaiva de ser feliz de verdade.
Sei que terei de mudar meus hábitos alimentares e de vida,sei que não vai ser fácil,sei que terei um longo caminho pela frente,mas eu preciso de alguma coisa que me ajude e sei que essa ajuda virá com a cirurgia.
Algumas pessoas não entendem quando falo da cirurgia,e eu sei que terei de mudar meus hábitos,então sempre me dizem se terá de mudar os hábitos muda sem cirurgia,mas se fosse fácil assim não precisaria de cirurgia né?
Eu li muito a respeito dessa cirurgia,leio blogs,ja converseo com quem fez,to ciente dos riscos,e quero arriscar sim.
Me perguntaram:e se tu morrer?Respondi vou morrer tentando acertar,tentando realizar meu sonho,e não adianta que desse sonho eu não vou desistir.
Como ja disse farei particular.
Barato???Não,não mesmo,pelo menos para mim que sustento uma casa sozinha,que tenho uma filha para criar,que ganho salario e tenho contas a prestar todo começo de mês,mas juntei dinheiro para isso,me privei de muitas coisas para isso,deixei de tirar férias,deixei de sair,deixei de viajar,deixei de comprar roupas para mim,deixei de comprar "bens" materiais para mim e para minha filha,abri mão de muita coisa para juntar grana.
Tem gente que sonha em viajar,tem gente que sonha em ter casa,ou carro,eu sonho em ser magra e saudável e vou lutar por isso,mesmo que eu passe mais um ou dois anos sem férias,mesmo que eu deixe de comprar roupas em lojas caras,mesmo que eu deixe de sair,mesmo que eu abra mão de algumas coisas,vou lutar pelo meu sonho.
Em questão financeira sei que no começo vai ser difil,mas depois as coisas se acomodam.
O que adianta ter uma grana no banco ou um carro na garagem e sofrer pela obesidade não só por motivos clinicos,mas principalmente por motivos emocionais.
Eu ja me decidi vou operar,mesmo sabendo dos riscos,mesmo tendo receio,é meu sonho,e vou realiza-lo,o que não posso é me esconder dentro de casa enquanto a vida passa.
Farei 30 anos dia 24/12 e não quero passar o resto da minha vida me escondendo dentro de casa por causa do meu peso.
Tenho sede de viver,de mudar,de aprender,de ser feliz.
Chega de usar desculpas,chega de me sentir mal e chorar na minha cama.
Cansei de tudo e de todos que me olham como se eu fosse um ET ou então dos que me olham com olhar de piedade,não preciso disso.
Não quero agradar a ninguem,não preciso da permissão de ninguem para operar,sou maior de idade e o dinheiro é meu,eu trabalhei,eu juntei,eu guardei,eu economizei,quero ser feliz,quero ter saúde,quero viver.
E é isso que farei.
Conversando com a mãe de uma amiga minha que é contra a cirurgia,sendo que a minha amiga tambem pretende fazer,contei á ela o que eu passo por causa do peso,acho que a minha amiga ja deve ter falado por ela mesma,mas contei o meu lado "mãe",o meu lado mãe solteira e o meu lado rejeitada grávida,no final da conversa ela me disse assim:sei que a cirurgia é cara,mas se tu para pra pensar no bem que essa cirurgia vai te fazer,pra ti,pra tua filha,pra tua saúde e principalmente para o teu coração,se pensar nisso esse dinheiro não vai ser nada perto da tua alegria de viver.
Mais uma vez vi que o que eu quero fazer não é uma loucura e sim um passo para minha felicidade.
Bom depois da minha conversa com a mãe da minha amiga,essa ja esta mais confiante no sucesso da minha cirurgia e da cirurgia da filha dela e disse que vai pedir pra Deus que dê tudo certo na minha escolha.
Acho que hj ja escrevi demais,mas são pequenas coisas que as vezes me deixam mal...
Por exemplo passsear pelo local que trabalho e ver que tem algo errado,é como se eu não fizesse parte desse mundo,que eu estou aqui por engano,eu não quero viver assim,até pq gosto do que faço,gosto dos meus chefes e ganho um salário bem bom para isso...Rsrsrsrs
Bom domingo a quem passar por aqui e lembrem-se:
"Comentário faz feliz!!!'
Rsrsrsrs

3 comentários:

Danielle Queiroz disse...

Oi querida, realmente ser feliz não tem preço, eu não faço idéia de quanto é a cirurgia por aki, pois meu plano cobriu tudo, mas esse dinheiro q vc tanto suou pra guardar não vai chegar nem perto da alegria q vc vai sentir em realizar esse sonho, sempre digo de q pra q ser tanto dinheiro se a pessoa não é feliz? realmente, pra q ter dinheiro se não podemos comprar roupas legais? pra q ter dinheiro se não podemos viajar pra praia e usar biquini? só pra gastar com comida e engordar cada vez mais? definitivamente vc está certíssima, todo esse sacrifício valerá a pena, eu estou radiante, cada dia q passa me vejo mais magra e saudável e isso sim nos traz a felicidade, bjsss

Minha vida, minha gastroplástia disse...

Olá, complicado né estar acima do peso, sempre tive problema com roupa, tenho alias, mas sabia sempre me maquiei e cuidei sim dos cabelos e tudo mais, porque de ter mais de três digitos sempre me achei super bonita, e acho que isso faz bem viu, o "se achar"...
Até mais...

Dani disse...

Todas já sentimos algum dos sentimentos que tu descreveu.
E tá na atitude de mudar que a coisa vai ser diferente.
Muita sorte na jornada.
beijo e força.

  © Blogger template 'Personal Blog' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP